Buscar

Galapos assessora Nelson Tanure na aquisição do controle da Alliar

Em uma das maiores transações do setor de saúde nos últimos anos, Tanure adquiriu, por meio do Fundo Fonte de Saúde, 37,6% da Alliar Médicos à Frente, empresa de diagnósticos por imagem com presença em todo país. Com a transação, o fundo passa a deter o controle da companhia.



No dia 14 de abril, foi anunciado ao mercado o deal estruturado pela Galapos e Banco Modal entre o Fonte de Saúde Fundo de Investimento em Participaçoes Multiestratégia e a Alliar Médicos à Frente, uma das líderes em medicina de diagnóstico por imagens no Brasil. Com a transação, o fundo de Nelson Tanure passa a deter 63,28% da companhia.


Nelson Tanure mira na expansão da Alliar para se consolidar entre as maiores do país, com investimentos previstos em tecnologia, inovação, gestão sustentável, experiência do cliente e na capacitação e valorização dos seus profissionais. Fundada em 2011, com a fusão de quatro empresas líderes do setor de diagnóstico médico, a Alliar está presente em dez estados brasileiros e conta com mais de 5 mil colaboradores, cerca de 1,2 mil médicos parceiros, mais de 100 unidades de atendimento ambulatorial e hospitalar, atendendo com excelência na realização de exames de diagnóstico por imagem, medicina nuclear e de análises clínicas, além de soluções corporativas, remotas e presenciais, para hospitais e centros de diagnóstico dos setores público e privado.


Para a CEO interina da Alliar, Karla Maciel, a expectativa é que a empresa alcance novos patamares de posicionamento com o reforço da agenda de inovação e digitalização dos serviços, além de retomar o crescimento orgânico e inorgânico com uma forte agenda de potenciais M&As – ampliando nosso portfólio de serviços e investindo em novas oportunidades no segmento de saúde.


“Os novos investimentos, além do foco em inovação e tecnologia trazida pelo Nelson Tanure, aliados à expertise e reconhecimento técnico dos médicos fundadores e do nosso corpo médico, dão à Companhia uma vantagem competitiva enorme”, diz a executiva.

Além das quase 45 milhões de ações envolvidas na transação, o contrato ainda prevê opções de venda aos demais acionistas relativas a mais aproximadamente 13,5%, em dezembro de 2022 e abril de 2024. Se exercido plenamente as opções de venda, o Fundo Fonte de Saúde passará a ter mais 77% da empresa, concretizando uma transação total de 51% da companhia num valor superior à R$ 1 bi.


Temos muito orgulho em fazer parte deste importante momento para a empresa e seus acionistas e desejamos muito sucesso no crescimento e evolução da Alliar. Parabéns, Fonte de Saúde, Nelson Tanure, Alliar, Karla e demais acionistas. Contem conosco!